Soja começa dezembro com preços sustentados no Brasil

Opreços da soja têm encontrado sustentação no mercado brasileiro, afirmam os pesquisadores do Centro de estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea). A recente valorização do dólar, demanda firme e preocupações com o clima no Brasil e na Argentina são apontados como motivos.

A referência com base em Paranaguá (PR), que terminou novembro com alta de 3,87%, acumulou uma leve valorização de 0,11% nos primeiros dias deste mês. Na última sexta-feira (2/12), o indicador fechou a R$ 80,08 a saca de 60 quilos.

Na referência de mercado físico, com base na média dos negócios no Estado do Paraná, a cotação chegou a R$ 76,42 a saca na última sexta-feira. Nos primeiros dias de dezembro, a alta acumulada é de 0,12%, dando sequência ao movimento do mês anterior, em que o indicador teve aumento de 3,58%

“Esse cenário reduziu o ritmo de venda do grão da safra 2016/17, visto que, agora, sojicultores nacionais têm expectativa de preços ainda maiores no início de 2017. Vale lembrar que as negociações estiveram mais aquecidas em meados de novembro, com valores já acima da paridade de exportação”, diz o Cepea, em nota divulgada nesta segunda-feira (5/12).

Fonte: Revista Globo Rural